quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Capitulo 2 - Parte 2

Olá a todos!
Espero que gostem da segunda parte do capitulo 2.

Anteriormente:

Ela decidiu deixá-lo afundar, pois, aparentemente, não tinha forças para salvá-lo do naufrágio.
- Não se importe comigo.
- Não se importe com ela. - repetiu Camilla com uma doçura melosa e o arrastou para o meio da sala.
...


Demetria resolveu tomar mais um drinque.
- Bem, parece que seu romance não durou muito, não é? - comentou Miley com um sorriso piedoso - Eu não podia ter prevenido que Camilla odeia abrir mão do que lhe pertence.
- Triste isso, não? - disse Demetria maliciosa, e virou as costas.
Alguns de seus amigos tinham acabado de chegar e foi em direção dos recém chegados quando alguém deu um passo atrás no momento em que ela ia passando e derrubou seu copo. uma mistura de gim e suco de laranja encharcou sua saia de veludo preto.
- Droga!
- Desculpe, fui um desastrado. - disse o homem agachando-se para verificar os estragos e tirando um lenço do bolso para secar a saia.
Demetria olhou por sobre aquela cabeça de cabelos negros.
- Pronto. Está tudo resolvido: a bebida não chegou a penetrar no tecido. - garantiu e a sua expressão mudou quando seus olhares se cruzaram.
Demetria o examinou calmamente, sem cerimónia. Alto, vestia camisa e calças pretas que alongavam ainda mais seu corpo. Os cabelos tinham um brilho de vitalidade. Demetria lembrou de Camilla acariciando aqueles cabelos enquanto dançava há pouco.
- Acho que não nos conhecemos, não é mesmo? - ele perguntou parecendo divertir-se com aquele exame prolongado - Se tivéssemos sido apresentados eu nunca a esqueceria.
Demetria aceitou o elogio, impassível. Sabia que também se lembraria dele. Era o tipo de homem que não passava despercebido. Agora podia entender porque Camilla se agarrava a ele.
- Sou Joe. - analisou-a dos pés à cabeça e, no final, sorriu como se aprovasse o que via.
Demetria resistiu valentemente à tentação de gostar dele.
- Eu sei.
Ele notou a frieza de sua voz e ergueu uma sobrancelha.
- Causei má impressão? Pois garanto que está enganada. Sou uma pessoa agradável de se conhecer.
- Vou lembrar disso. - prometeu Demetria dando meia volta.
Ele a agarrou pelo braço num aperto que, sem ser doloroso, deixava claro que não queria que fosse embora.
- Ei! Aonde vai? Nem me disse seu nome, nem deixou cair o sapatinho de cristal para que eu possa mandar um homem descobrir onde você mora.
- Ah! Você não vai precisar de um homem. Camilla pode lhe dar todos os detalhes a meu respeito.
Se não conhecesse a fama dele por certo ficaria envolvida por seu charme. Parecia muito seguro de si, seguro do efeito que causava nas mulheres.
- Camilla é sua amiga? - ela captou uma curiosidade nos olhos pretos dele - é manequim da loja onde ela trabalha? Você é suficiente magra e extremamente feminina mas seria bastante alta para a profissão? Bem, tem uma altivez que compensa a falta de estatura.
Demetria deu um sorriso entediado.
- Você já trabalhou para meu pai, não é mesmo? - perguntou partindo deliberadamente para o ataque.
Os olhos pretos dele se apertaram. Aproximando-se mais, encarou-a, sério.
- Você é Demetria Smith. Entendo...
- Imagino que tenha se indisposto com meu pai - disse Demetria com uma cortesia convencional que não conseguia disfarçar inteiramente seu antagonismo.
- Ele contou? Por acaso disse qual foi o motivo? Ele queria economizar no esquema de segurança da empresa e o índice de acidentes era perigosamente alto.
- Não me costumo envolver nos negócios de meu pai.
Até podia ser que Joe Harris tivesse razão nas acusações que fazia mas o pai nunca havia discutido esses assuntos com ela.
- E nem está interessada, não é? - seu olhar era de desprezo e censura - desde que os livros mostrem que a firma está dando lucros o resto não importa.
- Os lucros ou os prejuízos da empresa de meu pai não me afetam.
- Você só tem que depositar sua pensão no banco e dormir tranquila não é assim?
- Eu não recebo pensão.
- Não recebe? - era óbvio que não acreditava.
- Você não tem nada a ver com isso.
- Você deve ser farinha do mesmo saco. Apesar disso é muito diferente de sua irmã.

Pronto!

Beijos.

2 comentários:

  1. ficou incrível!posta logo flor estou muuuito ansiosa para o próximo capitulo!
    bjs...:)

    ResponderEliminar